ITNJ- Cursos livres teológicos. Dísciplinas compostas de conhecimentos bíblicos e sobre vários temas históricos e atuais. Cursos presenciais e a distância informações pelo instnj@hotmail.com

quinta-feira, 30 de abril de 2015

A URGÊNCIA DE MISSÕES MUNDIAIS

"E os pagãos da África?" era a pergunta favorita dirigida aos perplexos crentes. Esta pergunta continha um toque racista que sugeria algum tipo de qualidade inferior ou infantil dos africanos fazendo-os parecer que necessitavam de proteção. Hoje, esta pergunta está um pouco desatualizada atualmente porque algumas partes da África são mais cristãs do que muitas partes da Euripa e da América do Norte.
  1. Mas o assunto permanece. Deus julgará pessoas que nunca ouviram sobre a salvação em Cristo? Ele condenará os adeptos sinceros de outras religiões?
Deus é justo
Quando abordamos este assunto, devemos nos lembrar de que Deus é justo no caráter e tratamento com as pessoas (Gênesis 18:25; Jó 34:12). Quando chegamos ao final das evidências disponíveis e de nossa habilidade de raciocinar em cima daquela evidência, podemos confiar que Deus é justo no tratamento com as pessoas.
Afinal, a Bíblia diz que Deus "tem determinado um dia em que com justiça há de julgar o mundo" (Atos 17:31). A Bíblia também afirma que ninguém é ignorante à respeito da existência de Deus e da natureza  básica por causa da revelação geral de Deus através da criação. (Salmos 19: 1 à 4; Romanos 1:19 e 20). As Escrituras, de fato, sugerem que o julgamento de Deus leva em consideração até que ponto a pessoa teve revelação durante sua vida (Mateus 11:21 à 24; Lucas 12:47 e 48; Hebreus 2:2 e 3).
O mais importante é que o julgamento de Deus está baseado no perdão que as pessoas obtiveram, e não no conhecimento que elas tem de Deus e em que religião ela foi educada. As pessoas são separadas de Deus por causa do pecado, e não geográficamente ou teologicamente.
Nossa responsabilidade missionária
A próxima pergunta é "Deus providenciou que a mensagem de perdão através da morte de Cristo se espalhasse pelo globo?" Sim, ele providenciou. Jesus comissionou seus discípulos para que iniciassem a tarefa de evangelizar o mundo (Mateus 28:19 e 20) precisamente para que todos na terra tivessem a oportunidade de conhecer o perdão do pecado (1a. Timóteo 4:2; 1a. Pedro 3:9). Por causa do crescimento da Igreja de Cristo num verdadeiro corpo mundial e porque a população mundial atual contém um percentagem significativa de todas as pessoas que já viveram na terra, a responsabilidade missionária da igreja no início do terceiro milênio é singula e de um significado gigantesco.
Esta responsabilidade de compartilhar as boas novas do perdão dos pecados através da morte de Jesus na cruz não é tarefa exclusiva dos missionários profissionais. Todos os que são discípulos de Jesus tem esta missão. A igreja atual tem pessoas e meios de alcançar a população mundial com o evangelho cristão. A expectativa de Deus de que levemos o evangelho a cada criatura atualmente pode ser obedecer mais do que em qualquer outra época passada. Se Deus deu a responsabilidade missionária aos discípulos de Jesus, ele não deve ser culpado se o evangelho não se espalhar tão rapidamente quanto deveria.
Faça a sua missão enquanto você tem forças físicas. Comece já. Deus o abençoe nesta jornada.
Fiquem na paz de Nosso Senhor Jesus Cristo.
Pr. Dalmo M. Dourado

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário ele será muito importante. Obrigado pela sua visita

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...